7 dicas do Dr. Bactéria para manter sua casa longe do Covid 19

Março de 2021 foi o mês mais mortal de toda a pandemia de Covid 19 no Brasil. Foram quase quatro mil mortes por dia. Apesar de já estarmos no segundo ano da pandemia, muitas fakenews ainda são espalhadas sobre cuidados contra o Corona vírus. Para não cair em paranoias ou deixar de tomar medidas necessários, é importante sempre seguir fontes seguras de informação como Organização Mundial da Saúde (OMS) e Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

Todo mundo sabe do básico: usar máscara, lavar as mãos constantemente e evitar aglomerações. Mas há detalhes que ainda causam dúvidas entre os brasileiros. Qual a máscara ideal? Qual o modo correto de lavá-las? Qual a quantidade ideal de álcool em gel para desinfetar corretamente as mãos? Essas são algumas das perguntas que o biomédico e agente sanitário Roberto Martins Figueiredo, mais conhecido como "Dr. Bactéria", ouve com frequência.

Para esclarecer essas questões e deixar nossa casa livre de Covid 19, o Dr. Bactéria listou cuidados que devemos ter no dia a dia. 

Confira!


1) Uso correto das máscaras

Se a máscara for de pano, deve ter três camadas e ser lavada na mão com detergente e bicarbonato de sódio. "Não pode colocar na máquina nem esfregar. É só molhar, misturar os produtos e massagear delicadamente", afirma o Dr. Bactéria". Lembrando que, para a proteção correta, nariz e boca devem estar sempre cobertos. Não tire a máscara em nenhum momento enquanto estiver em público e não coloque as mão sobre ela. Para retirar, puxe pelas alças e higienize as mãos imediatamente.

 

 




2) Uso correto do álcool em gel

Segundo o Dr. Bactéria, o vírus é uma bolinha de gordura. E não há nada que destrua melhor gordura do que água e sabão. Então, é sempre preferível lavar as mãos do que usar o álcool em gel. Mas, quando não há escolha, use generosamente. "A quantidade do produto deve ser suficiente para esfregar as mãos em toda sua superfície tempo suficiente para cantar 'Parabéns a você' duas vezes", explica.

 

 

 

 

3) Higienização das compras

Dr. Bactéria garante que não há necessidade de passar álcool ou lavar todas as compras do mercado para se proteger contra o Covid 19. Segundo o especialista, é impossível a contaminação por meio de embalagens. Mas, a higienização destes itens é importante por causa das bactérias transmitidas por meio de urina de ratos ou baratas que podem ter entrado em contato com os alimentos. Para a correta limpeza, segue uma fórmula mágica: um litro de água, uma colher de sopa de detergente e uma colher de sopa de bicarbonato. Borrife essa solução e limpe com um pano todas as suas compras.

 

 

 

4) Cuidados com as roupas

Como medida de precaução, especialmente em casas onde bebês e crianças pequenas engatinham no chão, deixe seus sapatos na entrada de casa. Isso irá evitar o contato com sujeiras e resíduos que possam ser carregados na sola dos sapatos. Uma dica é a sapateira do Magazine Oriente que deixa seus calçados organizados e sua casa livre de contaminantes. Clique aqui para ver. O resto das roupas é só bater na máquina com sabão. Se quiser potencializar a ação do produto, coloque uma xícara de chá de bicarbonato de sódio. 

 

 

 


5) Cuidado com as FakeNews!

São muitas as informações falsas que ainda estão sendo divulgadas em sites de redes sociais. Se alguma chegar até você, não repasse e consulte um especialista. Segundo o Dr. Bactéria, é importante esclarecer que o Covid 19 não é transmitido por picadas de mosquito, o uso de máscaras não causa intoxicação por CO2 ou deficiência de oxigênio, expor-se ao sol, comer pimenta e beber álcool não protege contra o vírus, suplementos e vitaminas não curam a doença e o tempo frio não mata o corona. Essa são apenas algumas das desinformações que circulam por aí. Cuidado!

 



6) Vacina sim!

Há muitas pessoas que já têm o direito de tomar a vacina por sua idade ou profissão e ainda não procuraram os postos de saúde. O próprio Dr. Bactéria já está imunizado. Não perca tempo e garanta a sua sem medo. Todos os imunizantes que estão sendo distribuídos no Brasil possuem a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Vacina sim!

 

 



7) Isolamento

Enquanto a vacina não chega, a quarentena ainda é nossa maior arma de defesa contra a contaminação. Segundo o Dr. Bactéria, se for realmente necessário sair, dê preferência para lugares abertos, bem ventilados e sem som alto. Cuidado para não encostar nos olhos ou no rosto. Passe o álcool em gel constantemente e tome banho ao chegar em casa - tem que lavar o cabelo! De acordo com o especialista, entre os lugares com maior contaminação estão academias de ginástica, escolas e restaurantes. Então, se puder, evite.

 

 

 

 

 Segundo o Dr. Bactéria, a pandemia de Corona vírus é a Terceira Guerra Mundial. E não se ganha uma guerra sem esforços e muita luta conjunta. 
Se cada um fizer a sua parte, vamos vencer essa batalha.


#FiqueEmCasa 

 


Ana Carolina Miotto é jornalista, colunista do blog Magazine Oriente

MTB: 0072384/SP