Como escolher a melhor casinha para seu pet?

É muito importante para a saúde emocional dos peludos ter um lugarzinho aconchegante e protegido para chamar de seu. Isso inclui caminhas e casinhas no quintal de casa ou em um cantinho do apartamento. Mas, na hora de adquirir, como saber qual a melhor opção?  

Tamanho ideal

 

O mais importante é escolher uma casinha ou caminha que atenda às necessidades do porte do seu amigo. É recomendado priorizar o conforto à estética.

O ideal é garantir que seu pet consiga ficar em diferentes posições, deitar, sentar e até mesmo ficar de pé dentro dos limites do abrigo. Assim, você não corre o risco de ele desistir de se acomodar no novo lar.

O pet não pode ficar apertado, mas também não é legal exageradamente grande. A caminha deve ficar aconchegante e o abrigo, se maior que desejado, pode deixar o animal receoso.

 

 

Materiais mais comuns

Se você já definiu as dimensões, chegou a hora de pensar no material. Quanto às caminhas, o ideal é que o tecido seja macio, não alergênico e lavável, fácil de limpar.

 

 

Já as casinhas, cada composição tem seus prós e contras.

As de madeira são excelentes em isolamento térmico. Ficam quentinhas em dias frios e também não abafam durante o verão. Entretanto, podem absorver umidade com bastante facilidade e não durar tanto tempo ao ar livre. Por mais que seja resistente, a madeira molhada tem tendência a apodrecer. Assim, se for tomar chuva, o ideal é que ela seja feita com algum tipo de madeira envernizada.

 

 

Já as de plástico são o contrário: não são boas em isolamento térmico. Seu amigo pode ficar vulnerável tanto ao frio quanto ao calor. Entretanto, a higienização é muito fácil, podem ser lavadas sem problemas. Além disso, são leves e podem ser movidas com facilidade.

 

Por último, as casinhas de tecido, muito comuns entre os cães de pequeno porte e gatos. O material é mais simples e menos resistente que os outros modelos, então acabam sendo mais frágeis. São mais indicadas para tutores que querem oferecer um cantinho para o pet dentro de sua própria casa ou apartamento. Não podem ser deixadas ao ar livre, pois não vão proteger o animal da chuva ou outras condições climáticas. Entretanto, por serem leves e práticas, podem ser transportadas em viagens ou mudanças com facilidade. Sem contar que os modelos são muito criativos e fofinhos. Veja alguns aqui.

 

 

 

Escolher a casinha e caminha ideal é importante mas, acima de tudo, é imprescindível manter o cantinho do seu amigo sempre muito limpo e organizado. Pode ter certeza que você será recompensado com todo amor e carinho que só nossos peludinhos são capazes de oferecer.

Gostou das dicas? Nós queremos ver seus amiguinhos! Manda pra gente uma foto do seu Pet no insta do Magazine Oriente (@loja.magazineoriente)

Os primeiros a enviarem aparecem no nosso storie!

 

Ana Carolina Miotto é jornalista, colunista do blog Magazine Oriente

MTB: 0072384/SP

28.04.21